Covid-19: Ministro da Saúde confirma a presença da variante Ómicron em STP

O ministro da Saúde, Edgar Neves confirmou ontem, 06 de janeiro que a variante Ómicron da covid-19 já circula em São Tomé e Príncipe desde dezembro, causando aumento exponencial de casos da doença no país.

“Estamos confrontar-nos com um aumento vertiginoso do número de casos na sociedade de uma forma geral e muito em particular nos profissionais de saúde nas diferentes especialidades de intervenção sanitária” , disse o ministro da Saúde.

Edgar Neves adiantou ainda que a variante Ómicron foi confirmada no país pelos laboratórios nacionais entre 19 e 21 de dezembro com base nas previsões anteriormente avançadas tendo em conta o aumento de casos registados a partir de meados daquele mês.

Neves garantiu que o Governo está a “erguer forças, mobilizar recursos, melhorar a organização” para “responder a esta pandemia sem entrar em pânico” e que estão a ser vacinadas apenas viajantes e pessoas doentes que recorrem ao hospital ou centros de saúde com sintomas suspeitos.

“Dividimos o sistema de feitura dos exames laboratoriais e os viajantes fazem nos laboratórios privados […] o laboratório nacional de referência que estava sobrecarregado, dedica-se exclusivamente aos doentes,” explicou o governante.

O titular da pasta de Saúde disse também que se for feita a testagem massiva da população vai verificar-se “um crescimento exponencial” de casos que poderão aumentar até “cinco vezes mais deste número de infetados” que se tem registado atualmente.

“Temos que vacinar ao máximo!” exortou Edgar Neves, garantindo que o país tem disponível milhares de vacinas da Astrazenca, Moderna, Johnson & Johnson e Sinovac, prevendo receber nos próximos tempos as vacinas da Pfizer.

Compartilhar :

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.