Iyolanda Graça eleita presidente do Sindicato dos Jornalistas São-tomenses

A jornalista da Televisão são-tomense – TVS, Iyolanda Graça foi eleita no passado sabado, 14 de maio presidente do Sindicato dos Jornalistas São-tomenses – SJS e prometeu trabalhar para assegurar a dignidade laboral e salarial dos profissionais da classe.

“A nova direção que hoje foi eleita está disposta a trabalhar com todos — um por todos e todos por um — porque só assim vamos conseguir resolver os problemas que afetam os profissionais da comunicação social”, afirmou a nova presidente do SJS.

Iyolanda Graça foi eleita por aclamação em lista única durante o quinto congresso dos profissionais de imprensa são-tomense, tendo definido como lema para os três anos de mandato da direção “Todos Unidos pela dignificação da Comunicação Social”, considerando que “é necessário que a comunicação social conheça outros tempos”.

“É necessário que os fazedores da comunicação social tenham oportunidade de se afirmar como profissionais, ter dignidade salarial, dignidade laboral”, acrescentou, assegurando o compromisso da nova direção de levar a classe “a um porto seguro” para que a comunicação social seja “o quarto poder e não o quarto do poder”.

Para isso, adiantou que a nova direção do Sindicato dos Jornalistas São-tomenses quer “trabalhar em parceria com o Governo e com outras instituições” com objetivo de “implementar mudanças”.

De salientar, que Iyolanda Graça é a primeira mulher a assumir o comando do sindicato dos Jornalistas e dos técnicos da comunicação social de São Tomé e Príncipe.

Compartilhar :

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.