Portugal oferece cerca de 900 armas à Polícia Nacional de STP

O Ministério da Administração Interna de Portugal fez a entrega de armamentos e fardamentos à Polícia Nacional de São Tomé e Príncipe, esta quinta-feira (08.04). A entrega ocorreu na Escola Prática da Polícia.

Ao todo, são cerca de 922 armas, incluindo vários fardamentos policiais que a Polícia Nacional recebeu nas mãos de Portugal. O comandante-geral da Polícia Nacional, Roldão Boa Morte, agradeceu o gesto e afirmou que esta oferta vai colmatar as necessidades da sua instituição.

“Nesses últimos tempos temos um trabalho interno de forma a alterar um pouco a nossa imagem institucional, e com esses materiais tenho certeza que vamos mudar muito mais a nossa visão institucional”, afirmou Boa Morte.

O ministro da Defesa e Ordem Interna, Óscar Sousa, afirmou que “Vamos proceder a recolha de muito armamento que anda disperso, no sentido de nós termos um padrão, usamos um único armamento”acrescentando ainda que esta medida vai ajudar a ter um melhor controlo das armas nacionais, “o que tem sido um problema [para o país] a mais de 20 anos”.

Por sua vez, o embaixador de Portugal em São Tomé e Príncipe, Rui  Fernando do Carmo, disse que este gesto mostra “o empenhamento de Portugal na cooperação técnico-policial” e mostrando o compromisso do seu país no apetrechamento das forças e serviços de segurança de STP”.

Compartilhar :

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.