Projeto ECOFAC promove formação para os “Guardiões D´Obô”

Decorreu esta segunda-feira, 25 de janeiro, no Parque Natural Obô, a cerimónia de abertura da formação para os “Guardiões D´Obô”. Esta formação é financiada pelo projeto ECOFAC VI, e tem como objetivo dotar os participantes de conhecimento teórico-prático em matéria de boas práticas de gestão e conservação das áreas protegidas de São Tomé.

Esta formação está sendo realizada no Jardim Botânico Bom Sucesso, num período de duas semanas e conta com a participação de 26 formandos: 20 candidatos ao posto de Guardião d’Obô, 4 fiscais da Direção das Florestas e 2 agentes da Polícia Nacional. Depois da formação, serão escolhidos 10 participantes para serem “Guardiões D´ Obô.”

“Nós queremos explorar as potencialidades do parque para atividade turística, contribuindo também para a sua preservação e conservação”, Adianta Ioceni Santiago, coordenadora do Ecoturismo na plataforma de turismo responsável e sustentável.

Os futuros Guardiões do Obô terão a missão de apoiar na vigilância e monitorização da biodiversidade do Parque Natural D´ Obô. Os mesmos terão a função de realizar atividade de proteção, sensibilizar e informar o público, efetuar o controlo científico do parque e sua zona tampão.

Segundo Jean Batist, coordenador da BirdLife São Tomé e dECOFAC, o projeto essa atividade é muito importante para o país e para o Parque Natural Obô.

“Já se passaram mais de dois anos que o projeto [ECOFAC] iniciou. E esses dois anos foram necessários para encontrar de uma forma colaborativa o melhor modelo de proteção para o Parque Obô”, afirmou.

A formação está constituída por 10 módulos: Primeiros Socorros e técnicas de resgate e de sobrevivência, Técnicas de Montanhismo/Percursos pedestres, Técnicas e uso de equipamentos de Orientação e Localização, 4 Formação Naturalista – Flora, Formação Naturalista – Fauna, Mecanismos de Monitorização e Controlo da Biodiversidade, Fiscalização, Ética e Deontologia Profissional e Leis Ambientais e Florestais.

O Parque Natural D´Obô, local onde se encontra várias espécies endémicas do país, contará brevemente com 10 guardas florestais.

Compartilhar :

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.